O mais jovem homicida condenado dos EUA vai ser libertado

0
25

Jovem foi condenado, aos 12 anos, por ter assassinado a namorada do pai. O crime foi cometido em parceria com a sua irmã, um ano mais velha.

O mais jovem norte-americano a ser condenado vai sair em liberdade 17 anos depois.

Curtis Jones, que é até hoje a pessoa mais nova a ser presa nos Estados Unidos, vai ser libertado da prisão de Florida, mais de 15 anos depois de ter matado a namorada do pai.

O jovem, na altura com 12 anos, e a sua irmã, que tinha 13, foram condenados em 1999. Os dois planearam o homicídio juntos e utilizaram a arma do pai para o crime. O New York Daily News recorda que os dois tinham inicialmente planeado matar também um outro homem que vivia com eles.

Porém, ficaram tão aterrorizados após a primeira morte que fugiram.

As duas crianças alegaram ser vítimas de abusos sexuais por parte desta terceira pessoa. Como o pai e a namorada não acreditavam, mesmo depois de trabalhadores dos serviços sociais terem alertado para sinais de abuso, decidiram fazer justiça pelas próprias mãos.

Atualmente com 29 anos, Curtis abandona a prisão depois de ali ter crescido. Traz consigo uma tatuagem no braço esquerdo e as letras MOB inscritas na barriga.

A sua libertação está agendada para o dia 28 de julho.

FONTE:http://www.noticiasaominuto.com/mundo/424974/o-mais-jovem-homicida-condenado-dos-eua-vai-ser-libertado

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA